Câmara lança Parlamento Jovem 2020 com palestra sobre sustentabilidade

Câmara lança Parlamento Jovem 2020 com palestra sobre sustentabilidade Postado em: 06/03/2020 17:00

A Câmara de Ponte Nova lançou a edição de 2020 do Parlamento Jovem (PJ) nessa quinta-feira (5). Para estrear as atividades deste ano, a Tribuna Livre contou com a participação da Mestre e Doutora em Ecologia Lúcia Meirelles Lobão Protti, Diretora de Pesquisa e Pós-Graduação da Faculdade Dinâmica do Vale do Piranga.

 

Lúcia ministrou a palestra “Sustentabilidade: o caminho para a humanidade do futuro”. O assunto tem relação com o tema do PJ deste ano: Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. O lançamento reuniu estudantes, professores e diretores das cinco instituições de ensino que aderiram ao PJ: Escola Estadual Caetano Marinho, Escola Estadual Professor Antônio Gonçalves Lanna, Escola Estadual Professor Raymundo Martiniano Ferreira, Escola Estadual Senador Antônio Martins e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Minas Gerais (IFMG) Campus Ponte Nova.

 

A Dra. Lúcia falou sobre o conceito, o uso e a responsabilidade, individual e coletiva, do meio ambiente. Ela interagiu com os vereadores e o público durante a palestra, estimulando a participação e a reflexão sobre as ações de cada um no meio ambiente.

 

“O grande problema de como a gente trata o meio ambiente é exatamente essa representação que a maioria da sociedade tem dele: em que nós não pertencemos ao meio ambiente. E aí, o que a gente faz quando a gente não tem esse sentimento de pertencimento ao meio ambiente?”, disse estimulando a reflexão do público para a resposta.

 

Durante a palestra, a Dra. Lúcia exibiu um vídeo em que é retratada a relação do ser humano com o meio ambiente. “Quando eu não tenho esse sentimento de pertencimento, eu acabo provocando uma série de desastres ambientais. Nós passamos por grandes desastres ambientais na nossa região, está aí o caso de Mariana”, lembrou.

 

A professora destacou que mesmo diante da tecnologia existente na atualidade, ainda há mais de 1 bilhão de pessoas no mundo sem acesso a água de qualidade e 10 milhões morrem por ano por doenças relacionadas a ingestão de água contaminada e a falta de saneamento.

 

O constante estímulo ao consumo, segundo a Doutora, é uma das causas do desequilíbrio social e ambiental em que as pessoas vivem em todo o planeta. “A população passou a ser valorizada pelo tanto que ela consome. Mas esse consumo precisa vir de algum lugar. De onde que ele vem? Ele vem do recurso”, explicou.

 

A palestrante chamou a atenção para o papel dos jovens na contribuição para um mundo mais ecológico. “Os jovens, que são a nossa futura geração, precisam parar para pensar e começar a ter mudanças de atitude. E a mudança de atitude vem a partir do processo educacional”.

 

Lúcia ainda fez um breve histórico da discussão sobre a sustentabilidade no mundo, iniciada em 1968, e os movimentos que tiveram início desde então. Ela também exemplificou a importância do papel de cada indivíduo na utilização sustentável do meio ambiente mostrando a quantidade de água utilizada na produção industrial e alimentícia para atender o consumo humano.

 

A presidente da Câmara, vereadora Aninha de Fizica (PSB), ressaltou a importância do PJ na formação política e na consciência cidadã dos jovens. Ela lembrou a Campanha Legislativo Consciente em prol do Meio Ambiente, da Câmara, e o Projeto de Lei 3664/2019 aprovado no ano passado e que criou cargos no quadro de servidores da Prefeitura que visam prestar serviços relacionados ao meio ambiente.

 

“Esse ano o Parlamento Jovem tem como tema Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, tema presente não são nas discussões nacionais e mundiais, mas inclusive na realidade local”, disse a presidente.

 

A coordenadora técnica da Escola do Legislativo da Câmara de Ponte Nova, vereadora Fiota (PEN), destacou a importância do tema que será discutido com os jovens. “Falar de meio ambiente no Parlamento Jovem este ano vai ser uma coisa grandiosa. Nós temos um trabalho junto com os diretores e alunos, que eu quero que vocês chamem mais um, sempre mais um, para nós termos mais e mais alunos para gente conscientizar”, disse.

 

Lançado o Parlamento Jovem em Ponte Nova, o próximo passo do programa será iniciar as oficinas, palestras, debates e excursões. Elas acontecerão a partir do dia 16 de março, dentro da etapa municipal, que culminará na Plenária Municipal (de 1º a 26 de junho), onde os alunos criarão projetos de lei que serão encaminhados e discutidos nas etapas seguintes.

 

Parlamento Jovem

O PJ de Minas Gerais é um programa de formação política de estudantes do ensino médio que proporciona aos jovens uma oportunidade de conhecer melhor a política e os instrumentos de participação no Poder Legislativo Municipal e Estadual.

 

A cada ano, um tema de relevância social e do interesse dos jovens é trabalhado por meio de diversas atividades de estudo, oficinas, debates e deliberações que permitem a vivência e o aprofundamento do tema.

 

O programa é promovido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), por meio da Escola do Legislativo, em parceria com as câmaras municipais e a PUC Minas. Em 2020 chega à 17º edição com a participação de 114 câmaras.

 

As atividades são desenvolvidas em etapas municipais, regionais e a estadual, realizada em Belo Horizonte, quando ocorre a conclusão dos trabalhos. Todas essas etapas ficam registradas na página do PJ Minas no Portal da Assembleia Legislativa, nas redes sociais do PJ Minas e da Câmara de Ponte Nova (FacebookInstagram e YouTube). No site da Câmara também está disponível o calendário das atividades.

 

É IMPORTANTE QUE VOCÊ PARTICIPE
E MANTENHA-SE INFORMADO!

Horário de Funcionamento

Segunda a Sexta-Feira

das 12:00h às 18:00h

camara@pontenova.mg.leg.br

(31) 3819-3250

Av. Dr. Cristiano de Freitas Castro, 74

Chácara Vasconcellos, CEP: 35430-037

Ponte Nova - Minas Gerais